Revista Egitania Sciencia - Volume 17 | ARTIGO

Título: ATUAÇÃO DO PROFISSIONAL DE FARMÁCIA PERANTE OS ERROS DE MEDICAÇÃO

Autor: Ângelo Jesus (acj@estsp.ipp.pt ), Mafalda Vasconcelos (mafalda_951@hotmail.com), Agostinho Cruz (asc@estsp.ipp.pt)

Publicação: Revista Egitania Sciencia - Volume 17

Resumo:
O trabalho de equipa e as oportunidades para aprender com o erro são de máxima importância para a melhoria da segurança do doente, bem como para a promoção de uma cultura real e justa, na qual a notificação do erro e a sua resolução são encorajadas num ambiente livre de culpa mas responsável. Na maioria dos casos, o erro não é sinal de um mau profissionalismo, mas sim de um acompanhamento inevitável da condição humana, associado a sistemas altamente suscetíveis a erro. No presente artigo efetuamos uma revisão narrativa sobre erros de medicação, na perspetiva do Profissional de Farmácia, revisitando o tema e discutindo a evolução de conceitos e de taxonomias, assim como as principais causas desencadeadoras dos mesmos. Faz-se igualmente referência ao circuito do medicamento hospitalar e às opções desenvolvidas para a notificação do erro e outros incidentes.

Palavras-chave: erros de medicação, prescrição, dispensa, administração, notificação




               INSTITUTO POLITÉCNICO DA GUARDA | Av. Dr. Francisco Sá Carneiro, 50 | 6300 - 559 Guarda | Tel.+351271220100 | Fax +351271222690