Revista Egitania Sciencia - Volume 6 | ARTIGO

Título: DIFERENÇAS DE PERCEPÇÃO DO ASSÉDIO SEXUAL EM PORTUGAL

Autor: Olgierd Swiatkiewicz* (olgierd@est.ips.pt)

Publicação: Revista Egitania Sciencia - Volume 6

Resumo:
O artigo apresenta os resultados das percepções de diferentes tipos de conduta como exemplificações de assédio sexual no local de trabalho. Os resultados foram obtidos através de um inquérito realizado em portugal em 2004, numa amostra por conveniência. As percepções de assédio sexual foram analisadas à luz da influência das variáveis (individuais e institucionais) independentes (sexo, idade, nível de formação, antiguidade na empresa, posição hierárquica; sentimento actual e futuro de segurança de/no emprego e de progressão na carreira, propriedade e origem do capital da empresa; dimensão, idade, sector/ramo de actividade e situação económico-financeira da empresa). Os resultados demonstram, entre outros, que as mulheres em maior percentagem do que os homens tendem a classificar quase todos os tipos de conduta como exemplos de assédio sexual; o sexo, a idade e o nível de formação dos inquiridos condicionam significativamente as percepções dos inquiridos; os homens com a idade tendem a ser menos tolerantes em relação a determinados tipos de conduta, enquanto as mulheres, pelo contrário, com a idade apresentam uma tendência para uma maior tolerância em relação a certas condutas.

Palavras-chave: assédio sexual, conduta imprópria, Portugal




               INSTITUTO POLITÉCNICO DA GUARDA | Av. Dr. Francisco Sá Carneiro, 50 | 6300 - 559 Guarda | Tel.+351271220100 | Fax +351271222690